Veja lista dos mortos na tragédia com piauienses no PE

Imagem: Divulgação

 A Polícia Rodoviária Federal de Pernambuco divulgou o nome de sete das onze vítimas fatais do acidente envolvendo uma van que vinha de São Paulo trazendo trabalhadores piauienses que vinham passar o Natal com a família. A PRF não especificou de onde eram as vítimas, e relacionou ainda o nome dos feridos no acidente.

Há informações de que entre as vítimas havia três pessoas da mesma família. A maioria dos mortos é da cidade de Caraúbas do Piauí, e outras da cidade de Picos. A tragédia aconteceu no Km 139 da BR-316, no município de Parnamirim, Sertão pernambucano. Todas as vítimas estavam numa van que colidiu de frente com um caminhão.

Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o caminhão de placa BWY-0135 do estado de Santa Catarina, era conduzido por Antônio Marcos Pereira, 32 anos, e que apresentava sinais de embriaguez. No momento do acidente, o caminhão estava carregado com placas de gesso e transitava na contra-mão, até que bateu na van de placa EKL-7064, de São Paulo.

RELAÇÃO DOS FERIDOS
Thiago Marques Cardoso, 22 anos – já recebeu alta
Antônio Machado Pereira, 31 anos – consciente e em observação
Francisco das Chagas Nunes da Silva, 32 anos - quadro de traumatismo craniano

RELAÇÃO DOS MORTOS
Bartolomeu das Graças Barbosa, 48 anos
Francisco José dos Santos, 43 anos
Francisco das Chagas de Souza Araújo, 29 anos
José de Fátima dos Santos, 22 anos
José da Conceição Cunha, 31 anos
Francisco Rodrigues Nunes Filho, 34 anos
Mateus Nunes Carvalho, 19 anos
*quatro dos mortos ainda não foram identificados

TRAZIAM PRESENTES DE NATAL
De acordo com o delegado de plantão de Salgueiro, José Olegário de Lima Filho, a maior parte dos mortos era natural do Piauí. Eles trabalhavam em São Paulo e estavam a caminho do Piauí para passar as festas de fim de ano com suas famílias. O microonibus era alugado e estava cheio de presentes.

Natural de Palmas, no Paraná, o motorista do caminhão foi hospitalizado e está sob custódia. Foi preso em flagrante por dirigir sob efeito de álcool. Segundo a PRF, Antônio Pereira será levado para a Delegacia de Polícia Civil de Salgueiro, no Sertão do Estado, assim que receber alta.

SOBRE O ACIDENTE
Os veículos bateram de frente por volta das 5h30, na BR-316, a 563 quilômetros de Recife. Um policial rodoviário, em entrevista ao G1 Pernambuco, falou do estado em que se encontrava o motorista do caminhão. "Conseguimos realizar o teste do bafômetro, que deu acima do limite permitido. A graduação alcoólica dele deu 0,71 mg/L", conta o policial rodoviário federal Laerte Vitor da Silva. A concentração de álcool no sangue permitida pela nova Lei Seca é de 0,3 mg/L.

Com informações do 180 Graus
Edição: Proparnaiba.com