Exército do Piauí é chamado para reforçar segurança em Natal-RN

Cerca de 150 militares do Piauí que integram o Exército irão reforçar a segurança em Natal, capital do Rio Grande do Norte, devido as últimas rebeliões em presídios da cidade. 

Uma onda de ataques criminosos estão sendo realizados na cidade, após os constantes motins de presos na pentitenciária de Alcaçuz, região metropolitana de Natal. 

De acordo com o tenente coronel Francisco Nixon Lopes Frota, comandante do 25º Batalhão de Caçadores (BC), os militares já estão preparados e aguardam a autorização do comandante  da 10ª Região Militar, com sede em Fortaleza-CE para seguirem viagem. 

Os militares se deslocarão em 12 caminhões que já estão preparados para o trajeto. O coronel Nixon disse que eles vão garantir a lei e a ordem nas ruas da capital. 

“A ordem foi de preparar nossos militares para irem a Natal, ainda sabemos o detalhamento das atividades que eles realizarão. O que temos é que eles atuarão no patrulhamento na região metropolitana, garantido a lei e a ordem nas vias”, declarou comandante Nixon.

Também não foi informado o tempo de permanência dos Exército piauiense na capital capixaba, dependerá do desenrolar da situação nos presídios do local. 

Recentemente, os militares da Companhia do Poti foram solicitados para atuar nas eleições de 2016 nos municípios. Em Teresina, a Companhia do Poti é formada por militares do 25 BC e do 2º Batalhão de Engenharia e Construção (BEC). 

Cidadeverde.com
Edição: Proparnaiba.com

 
Por: redacao