Matriculas na rede estadual iniciam nesta segunda-feira

De 03 a 13 de janeiro acontece o período de matrícula para as escolas da Rede Estadual de Ensino. De acordo com a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) haverá vagas para todas as modalidades de ensino: ensino regular do fundamental ao médio, profissionalizante e Educação de Jovens e Adultos (EJA).

Entre dos dias 02 e 06 fazem as matrículas os alunos que já fazem parte da rede, por meio de renovação, transferência ou remanejamento. Os novos alunos que fizeram ou não a pré-matrícula fazem a matrícula entre 09 e 13. Todos os alunos devem fazer o procedimento diretamente na escola em que irão estudar.

Escola Profissionalizante

A Seduc deve fazer a solenidade de início do período letivo, programado para o dia 07 de fevereiro, durante a inauguração do Centro Estadual de Educação Profissional José Pacifico de Moura Neto, no bairro Dirceu Arcoverde. A escola é um complexo de grande porte, construído no padrão do Fundo Nacional para o Desenvolvimento da Educação (FNDE). Possui oito salas de aula, seis laboratórios, quadra coberta, auditório com mais de 100 lugares, biblioteca, área de convivência e refeitório.

A escola foi instalada na região do Grande Dirceu e vai atender a demanda de toda a região. É a segunda deste porte inaugurada no Estado. A primeira foi entregue no início de dezembro de 2016, na cidade de Esperantina.

Certificação

Para este ano, o Ensino de Jovens e Adultos (EJA) vai ser a única forma de garantir a certificação de conclusão do ensino fundamental e médio, que também poderia ser feito por meio do Enem. A certificação será feita na modalidade do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja), onde os alunos inscritos podem estudar em casa, tirar duvidas com professores e realizar o exame na data programada.

Conclusão de estudos e Alfabetização.

O EJA também será a principal modalidade para estudantes que largaram os estudos retornarem às aulas para concluir o ensino médio e fundamental em menor tempo que o ensino regular. A modalidade também receberá os alunos da alfabetização de adultos. A Seduc espera conseguir 50 mil matriculas nesta última modalidade.

Fonte: Meio Norte
Edição: Proparnaiba.com

 

Por: redacao